logoSign upLog in
Nutricionista Claudia Silvestre

Nutricionista Claudia Silvestre

To Médicos e profissionais da área da saúde13/07/2015

Criou-se a ideia de um corpo padrão para todas as mulheres, independente de raça, biótipo... as propagandas, as capas de revista de moda e beleza exibem o corpo esbelto procurado pelas mulheres nos dias de hoje. E todas, sem exceções, precisam se enquadrar neste padrão de beleza criado. A frase “As feias que me perdoem, mas beleza é fundamental” de Vinicius de Morais traduz a ideia de que a beleza é uma obrigação e está profundamente associada à mulher e ao papel que ela desempenha na sociedade. E se esse padrão de beleza, socialmente aceito e desejado, não for obtido gera grandes frustrações e insatisfação. E diante disso, gera-se um mito em torno do emagrecimento, onde ele é associado à felicidade, sucesso profissional e financeiro, estabilidade emocional, aceitação, aumento da autoestima (sendo que seria mais fácil para atingirem o emagrecimento se gostassem mais de si mesmas. Porque me amo, eu me cuido!).... e tantas outras falsas crenças que são associadas ao emagrecimento. Atender as expectativas do marido, filho, parentes, amigos, chefe... não são bons motivos para iniciar um programa de perda de peso, muito menos servirão para mantê-lo focado. Então, quando não se busca o emagrecimento pelos motivos certos: melhorar e/ou preservar a saúde e melhora da qualidade de vida acaba ocorrendo o que vemos tantas e tantas vezes: Pessoas fazendo dietas malucas e colocando suas vidas em risco nutricional: já está totalmente comprovado que a melhor forma para eliminar peso é através da reeducação alimentar. Dietas da moda ajudam por pouco tempo, logo vem o efeito sanfona, e a pessoa acaba ganhando muitas vezes o dobro do peso que perdeu. E ainda acaba gerando um desequilíbrio no organismo que poderá trazer sérias consequências. Desanimo: para que o emagrecimento ocorra é necessário um longo período de tempo, o que muitas vezes causa um desânimo ao indivíduo por não ver um resultado imediato. Emagrecimento fácil: ninguém perderá os quilos que adquiriu ao longo dos anos em poucas semanas. O plano alimentar irá contribuir para que não haja ganho de peso, mas para perder os quilos adquiridos é fundamental um programa de exercícios. Quando você começa a encontrar meios que podem fazer você emagrecer com saúde, sem perder seus objetivos, então perderá peso com naturalidade. Os motivos certos é que nos fazem chegar aos nossos objetivos e nos sustentam na caminhada. Então pense: quais são suas reais motivações para eliminar peso? E elas poderão sustentá-lo quando o desânimo chegar? E não tenha dúvidas, ele vai chegar e você vai precisar agarrar-se firmemente em suas motivações para seguir em frente. Não existe milagre. O que existe é motivação, nutrição e exercícios físicos. Fonte: Oliveira, APSV; Silva, MM. Fatores que dificultam a perda de peso em mulheres obesas de graus I e II. Revista Psicologia e Saúde, v. 6, n. 1, jan. /jun. 2014, p. 74-82 - Universidade Católica de Brasília, Brasilia, 2014.

Nutricionista Claudia Silvestre
Relevant