logoSign upLog in
Alexandre Borges de Souza

Alexandre Borges de Souza

A atividade do Perito

A atividade do perito está prevista pelo Código de Processo Civil (CPC), em seu artigo 156, que diz: “o juiz será assistido por perito quando a prova depender de conhecimento técnico ou científico”. Para a produção da prova pericial, o conhecimento técnico necessário é multidisciplinar, podendo envolver: Engenharia, Medicina, Contabilidade, Psicologia, Tecnologia da Informação, Administração, Arquitetura, dentre outras tantas. Em alguns processos mais complexos, dois ou mais peritos de especialidades diversas podem ser utilizados.

Neste artigo será abordada a atuação do perito em Engenharia de Segurança do Trabalho.
Uma boa parte da atuação deste profissional acontece na Justiça do Trabalho, onde são julgadas as diferenças ocorridas na relação entre trabalhador e empregador, através das reclamatórias trabalhistas, normalmente envolvendo condições de insalubridade e periculosidade dos ambientes de trabalho.

A atuação do perito em Segurança do Trabalho, basicamente pode ocorrer de duas formas:
a) Perito do Juiz ou b) Perito Assistente ou Assistente Técnico (atuação pela reclamada).

Estas duas funções serão motivo de artigos mais detalhados a serem dispostos no site.

Busque assessoria técnica em seus processos trabalhistas, contrate um Perito Assistente!

Relevant