logoSign upLog in
Catarina Pepe

Catarina Pepe

To Mercado de Trabalho14/05/2015

Qual é o SEU?

Creio que muitas pessoas já passaram pela seguinte situação: alguém fez um comentário negativo em relação a um acontecimento da sua vida e, ao saber, você ficou com raiva, principalmente porque não teve oportunidade de falar o que aconteceu e dar sua versão. Nem sempre é possível esclarecer os fatos, até porque, você pode achar que não é interessante se expor nesse momento.

A questão é que - mesmo que você não esteja nem um pouco preocupado com o que foi falado - em qualquer situação, sempre haverá um CONTEXTO, ou seja, uma história de vida, portanto, única, exclusiva e intransferível.

Outro exemplo: Quando atendo crianças tenho por hábito solicitar a presença dos pais (dos dois e sem a criança nas duas primeiras sessões) e faço um levantamento completo sobre a história de vida dela. É interessante perceber como os fatos e situações estão embaralhados para os pais e não é incomum que seja a primeira vez que eles estejam reconstituindo e se apropriando dessa história de vida e que tenham percepções diferenciadas sobre a mesma situação.Muitas vivências acabam sendo resignificadas nesse processo de entrevistas individuais pertencentes a um atendimento que nem será para eles.

Cada ser humano tem crenças, valores, padrões de comportamento e - o principal - vivências carregadas de significados muito pessoais, e que influenciam diretamente no SEU "modus operandi".

Portanto, o que proponho para reflexão é a importância de se considerar o que cada um viveu e qual significado atribuiu a essas vivências. O que realmente aconteceu, como aconteceu e os porquês, ás vezes, nem a gente sabe!! Que dirá os outros!! Não é mesmo?

Contexto, qual é o SEU?

Texto: Catarina Pepe
Imagem: Pintura Digital por Catarina Pepe

Catarina Pepe
Relevant
  1. Catarina Pepe
    19/05/2015 #2Catarina Pepe
    #1 Oi Betina..Egoismo também, mas acho que o ser humano tem por hábito falar de pessoas ou situações sem se dar conta que há inúmeras variáveis e detalhes, ou seja, um contexto.
    Reply
  2. Betina Carvalho
    14/05/2015 #1Betina Carvalho
    Interessantíssimo ponto de vista! Isso está muito relacionado ao nosso "egoísmo" como seres humanos, ou não? Um abraço.
    Reply