Klécio Gonçalves en Profissionais Administrativos, Auxiliar - Assistente - Analista de Recursos Humanos (RH), Auxiliar GERENTE DE FROTA - FLEET MANAGER • RODODEL TRANSPORTES 3/7/2016 · 1 min de lectura · 2,2K

O QUE NÃO FAZER EM UMA ENTREVISTA

O mercado de trabalho está saturado em algumas áreas, concorrido em muitas e competitivo entre dezenas de profissionais para uma única vaga.

Existem algumas atitudes e comportamentos que são imperdoáveis em uma entrevista de emprego. Chegar atrasado, falar mal da empresa anterior ou não deixar o entrevistador falar são exemplos de atitudes que podem tirá-lo do processo.

Assim, muitos candidatos acabam perdendo boas oportunidades de emprego por falta de conhecimento em determinado assunto, falta de atenção ou falta de foco.

Confira 12 dicas do que você NÃO deve fazer para seguir no processo seletivo:

1. Não chegue atrasado de maneira alguma. Pesquise o caminho antes e procure chegar ao local com pelo menos 15 minutos de antecedência;

2. Não cometa excessos na roupa, no perfume e acessórios. Use roupas discretas e confortáveis, pesquise antes sobre a cultura da empresa para não cometer nenhuma gafe.

3. Não chegue “cru" na entrevista. Visite o site da empresa, converse com conhecidos, investigue qual o negócio da empresa, tipos de produtos e serviços, concorrentes e particularidades do mercado. Evite perguntar sobre coisas que deveria ter pesquisado antes.

4. Não minta ou esconda informações. Jamais! Todo seu histórico profissional pode ser (e será) investigado depois. Coloque suas experiências sem exageros, destacando suas principais atividades e os resultados que você conseguiu atingir;

5. Não fale demais nem de menos. Saiba perguntar quando for preciso, e responder sempre o que for perguntado;

6. Não atue! Não tente ser algo que não é. A empresa procura o “candidato ideal”, porém, você precisa buscar uma empresa que seja “ideal” também. Sendo verdadeiro, a chance de sucesso e de crescimento será bem maior.

7. Não use frases prontas ou decore respostas. Nada pior do que um candidato “boneco”. Tenha em mente o que pode ser respondido, mas aja sempre com naturalidade e entusiasmo. Não ignore nenhuma perguntou ou mude de assunto de repente, sinta que o assunto ficou bem esclarecido;

8. Não fale mal das outras empresas que você trabalhou. Isso também vale para o ex-chefe e colegas de trabalho. Esse erro é FATAL!

9. Não arrume desculpas ou culpados para possíveis falhas que possa ter tido na carreira, se perguntar por que você saiu do último emprego e tiver sido demitido, explique o motivo sucintamente e pronto;

10. Não use gírias, brincadeiras de baixo calão e palavrões na entrevista, por mais informal que seja o entrevistador. Muitos recrutadores “dão corda” para testar o candidato e ver até onde ele pode ir. Evite forçar intimidade também, nada de “tapinha nas costas” e coisas do tipo;

11. Questione sobre o salário e benefícios apenas quando o recrutador introduzir o assun