Amilcar Pasos in Book Readers, Social Media, Marketing Sep 3, 2016 · 1 min read · +400

Esta História Não é Para Adultos

Esta História Não é Para AdultosEsta História Não é Para Adultos
By Patricia Ervilha
Books on #Promocave
http://promocave.com/esta-historia-nao-e-para-adultos/


“São 7h e 45m!

– Bom dia príncipe! – disse a minha mãe, enquanto me tentava acordar. A minha mãe todos os dias me acorda com a mesma frase, desde há nove anos! Quer dizer, eu penso que é desde há nove porque eu tenho nove (quase dez) e sempre me lembro de acordar assim. Às vezes, quando não acordo bem-disposto, digo à minha mãe:

– Não me trates como um bebé! Sabes bem que não sou nenhum príncipe… Em Portugal não há príncipes. E sabem o que é que ela responde (devem saber porque as mães são mais ou menos todas iguais)?

– Vais ser sempre o meu bebé e o meu príncipe mesmo quando tiveres quarenta anos! Eu não entendo muito bem o que ela quer dizer com isto mas não faz mal. Ela gosta de dizer. E eu aceito porque daqui até eu ter quarenta anos falta muito tempo mas mesmo muito tempo!

Bem, hoje está especialmente difícil acordar. Não me apetece nada mas sei que se não me levantar daqui a 3 minutos tenho a minha mãe novamente:

– Toca a levantar, estamos a ficar atrasados!

A verdade é que todos os dias estamos a ficar atrasados por isso eu já não ligo. Mas levanto-me ao segundo aviso. Porque a frase que a minha mãe usa, passado 5 minutos, já é mais séria… nem queiras saber! Sabes quando as mães falam naquele tom mais alto do que os nossos ouvidos gostam? É isso!

Levanto-me. Lavo a cara. Visto-me e logo de seguida:

– Pequeno-almoço! – insiste a mãe.

E pronto, é assim que começa o meu dia, todos os dias, de segunda a sexta. Sim, de segunda a sexta, porque ao fim de semana, a história é outra.

Esta conversa toda só para te explicar como é que acordo todos os dias.

Ora continuando, depois desta fase em casa (não te disse mas lavo os dentes depois do pequeno almoço) vou para a escola (nunca te esqueças que é só de segunda a sexta). Não preciso estar sempre a repetir – de segunda a sexta – porque quando eu te falar do fim-de-semana vais perceber logo.

Os adultos é que têm uma mania um pouco chata de explicar tudo tudo tudo, como se não percebêssemos logo à primeira ou à segunda. Já reparaste? Pelo menos comigo é assim… às vezes, entendo logo e continuam a explicar. Outras vezes eu bem tento entender e são eles que não querem explicar:

– Ainda não tens idade para certas conversas.

Eu não quero fazer isso contigo. Estar para aqui a explicar dez vezes coisas que tu entendeste logo à primeira.



A escola. O meu principal problema com a escola é o trabalho. Na escola trabalha-se muito! Porque se a escola fosse só brincadeira estava tudo bem. Mas o que eu acho injusto é trabalhar e não receber nada… isso é que eu não concordo. Porque os adultos também trabalham muito mas recebem dinheiro por isso! Não sei se recebem 100 euros ou mais mas recebem. Agora eu (!) farto-me de trabalhar e não recebo nada.”



Mohammad Azam Khan Sep 5, 2016 · #3

Isso é tão gentil de todas as mães a levar-nos a amadurecer para a vida adulta , ovos cozidos 😄

0
Tifany Rodio Sep 5, 2016 · #2

User removed

+1 +1
Mohammad Azam Khan Sep 3, 2016 · #1

Divertido, muito divertido porque eu não penso assim até 55 e ainda assim eu acho que a aprendizagem é essencial e ponderando uma obrigação. mães amorosas são os mesmos em todo e eles se tornam mais amorosos nos fins de semana e deixá-lo dormir e torná-lo refeições maravilhosas .

+2 +2