DILMA BALBI -📃 Engenharia&gestão in Profissionais Administrativos, beBee em Português Gestora Contratos - Coordenação Nov 20, 2017 · 2 min read · 2.2K

Com a lupa..👉MEI, freela e PMEs olhando de perto seus custos

Com a lupa..👉MEI, freela e PMEs olhando de perto seus custos

Para começar


Mesmo que não se goste muito, quando se trata de negócios, de empresas, independentemente do tamanho, ter uma atenção especial para com os números é das obrigações que não se pode transferir.

Tomando por base que seu negócio existe por uma razão, simplificando muito, ele precisa “parar-em-pé”, ou seja, ele tem que se sustentar e ainda proporcionar um excedente para remunerar os esforços e recursos dispendidos. Tudo conforme um intervalo de tempo planejado ou acordado entre os que participam.



Para se obter um excedente temos que para uma determinada produção foi necessário investir menos do que o valor para o qual é possível se comercializar, gerando assim o montante.

Quanto mais se conhecer a cadeia de custos envolvida nesta produção mais racional será a utilização de recursos.

Cortar custos é uma expressão, como tantas outras, que tomada ao pé da letra pode conduzir atitudes negativas ou de resistência. Quem abre um sorriso quando ouve? Por outro lado, a gestão de custos busca identificar possível melhorias no processo que poderão resultar em benefícios para todos.

Portanto, fica o convite para trocar a tesoura pela lupa e prosseguir

Dicas para gestão de custos

· Conheça o processo: tanto para um serviço quanto para um produto ter um mapeamento de todos os custos envolvidos na produção é o passo zero. Vale listar numa planilha, num caderno, no smartphone, num quadro na porta da geladeira, onde ficar melhor. O que não pode é não saber.

· Acompanhe o processo: vamos tomar por exemplo, o consumo de energia elétrica que participa numa gama incrível de serviços e produtos. Como se comportam estes custos ao longo do tempo? Houve maior consumo para uma mesma quantidade produzida? ou foi só o custo em função de aumento da tarifa?

· Mantenha intervalos regulares de registros: faz muitas visitas? Registre os custos de combustível, estacionamento, transporte, possíveis cafezinhos ou pequenos lanches.. Consome uma balinha também? Desculpa, mas tem que anotar.

· Tem outros envolvidos no negócio? Então motive, estimule, esclareça que sua participação é fundamental. F.u.n.d.a.m.e.n.t.a.l

· Pegue a lupa : com os registros feitos é o momento de buscar cuidadosamente o que pode ser alterado.

Metas para faturamento e para otimização de custos

· Ao planejar o faturamento para o próximo intervalo de tempo (mês, trimestre, ano) (pretende aumentar? Vai iniciar um ciclo de baixa de faturamento por alguma sazonalidade?) inclua também uma meta para otimização de custos, com base no que você identificou com a lupa.

· Pergunte com muita frequência se não é possível fazer o mesmo de outro modo, com outros processos, por outros caminhos.

· Mantenha esta “inquietude-do-bem”, tenha sempre interesse pelos detalhes e olhos bem abertos:

====> Se o "capuccino" que você consome antes da entrevista com o cliente é peça chave no seu desempenho, este não é um item que entrará na sua lista de otimização, mas, quem sabe, pode existir uma alternativa que surta o mesmo efeito. Vai um pingado?


====> Já manter as luzes apagadas onde não necessário é ator principal. Já para a lista!


· Observe o desempenho dos equipamentos envolvidos: você trabalha com preparo de alimentos e a borracha do seu refrigerador está gasta? Mesmo que não trabalhe com preparo, vale verificar. Sua máquina necessita de 5 minutos para acessar a internet e você produz conteúdo? 

Momento de encarar estas informações e agir.


Numa primeira fase tudo pode parecer difícil, aborrecido, um tédio mesmo.

Mas, quem sabe, não é desta virada que você vai começar a colher frutos mais “gordinhos” do seu negócio...

Faz por um tempo e depois conta se não encontrou vários pontos em que foi possível melhorar bastante..

Ah... e se o seu caixa ficar cheio de sorrisos, manda uma mariola, tá?





Figura do "pingado"

Borracha da geladeira desperdiça energia

Mariola

Para saber mais : Redução de custos