DILMA BALBI -📃 Engenharia&gestão in beBee em Português Gestora Contratos - Coordenação Dec 26, 2017 · 2 min read · 1.1K

Crenças e Rituais.. você também tem as suas

Bate na madeira

Quem nunca ouviu esta expressão por aqui, levante a mão.

Crenças e rituais fazem parte das diversas culturas espalhadas pela terra.

Parece mesmo, segundo os estudiosos que temos uma especie de "chip" que nos predispõe a acreditar em algo Maior, uma ou diversas divindades. 

A intenção por aqui não é discutir crenças politeístas ou monoteístas, ou quem de fato tem razão.

Razão? Mas se tem raciocínio... não tem crença

Na presença do substantivo razão fica mais difícil lidar com crenças e rituais. 

Cada qual habita um canto dos 'sapiens', ao que parece, e mesmo os que se debruçam nas comprovações científicas têm suas crenças ou a ausência delas e razão ou ciência e crenças e rituais, via de regra, transitam por estradas separadas.

Nota: Fica declarado o mais profundo respeito a todas as crenças e religiões, assim como, a todos os que em nada creem.

De volta aos rituais

Quando o fim de ano se aproxima, mas especificamente depois do Natal, as pesquisas no senhor-nosso Google aumentam vertiginosamente para descobrir quem será o astro regente do ano, qual a cor da virada, qual é o animal do horóscopo chinês e por aí vai.

Faça uma experiência e terá em retorno diversas sugestões do próprio senhor-nosso Google, o que atesta a procura.

Aumentam também as pesquisas pelas resoluções de fim de ano, o que, por si só, já se pode denominar de ritual 

Google revela quais sao as resolucoes de ano novo dos brasileiros 

Ritual é o que mesmo? 

Ritual é um conjunto de gestos, palavras e formalidades, geralmente imbuídos de um valor simbólico, cuja performance é, usualmente, prescrita e codificada por uma religião ou pelas tradições da comunidade.Wikipedia

Logo havendo uma crença, uma codificação simbólica de gestos, palavras ou tudo junto, com uma determinada intenção, pronto! Está estabelecido um ritual.

Uma definição singela e contaminada pela minha visão: É uma especie de ponte que proporciona aos "sapiens" o acesso, à conexão com o divino e deste modo, facilita a obtenção do que está impresso na significação que se atribuiu.

Para a intenção de afastar a má sorte, batemos na madeira, para acordar uma divindade que vivia em tempos imemoriais nas árvores das florestas e benevolamente estas divindades viriam em nosso socorro.

Batemos palmas para, invocando os deuses protetores das artes, manifestarmos a aprovação do artista ou dos artistas que se exibem.

A reprodução dos mesmos gestos e palavras também serve para a conexão com os tempos imemoriais quando se estabeleceram os ritos .

Esta conexão implícita, em alguma medida, carrega uma força, também simbólica, claro. 

O resultado é que nos torna mais robustos para o enfrentamento dos medos e vicissitudes.Tudo no plano do simbólico, certo?


Religiosos e não religiosos.. rituais para todo tipo

  • Hastear bandeira e cantar o hino nacional. Ritual repetido nos 4 cantos do mundo.
  • Cobrir ataúdes de heróis com a bandeira nacional.... Hastear bandeiras a meio palmo em momento de perdas de figuras especiais para determinada sociedade.
  • Cantar o "parabéns-pra-você nesta data querida" que começou lá em 1875 História do Parabéns
  • Fazer o juramento no momento da formatura

Rituais de fato! E nada mais distante do aspecto religioso !Crenças e Rituais.. você também tem as suas



  • As missas, as reverências profundas, de joelhos e com a cabeça ao chão, as giras são exemplos de rituais, estes definitivamente associados às crenças religiosas.



Reiterando a Nota: Fica declarado o mais profundo respeito a todas as crenças e religiões, assim como, a todos os que em nada creem.

A justaposição é meramente figurativa sem quaisquer outras intenções.

Para saber mais, dá uma lida : Rituais e crenças PUCPR

Rituais de cada um

E juntando um pouco da crença e da descrença, com uma boa pitada de superstição e um tanto do medo do desconhecido, sempre presente ao longo da história da humanidade, cada um vai construindo seu próprio ritual.

Especialmente no último dia de cada ano, é comum bater na madeira, se benzer e repetir Cruz-em-Credo. 
Tudo isto simultaneamente à oferta de flores para Yemanjá se vestindo de branco e pulando sete ondas.

Outros fazem limpeza na casa, acendem incenso e repetem mantras positivos para que venham bons momentos a serem desfrutados no ano novo.

De algum modo tradição, ritual e crenças têm elos de ligação tão poderosos que é bem difícil dissociar e mais difícil ainda é não repetir.

E você? 

Quais são os seus rituais ? 

Vai pular as 7 ondas no dia 31/12?







thanks for sharing @CityVP 🐝 Manjit I appreciated it!

0

#3 "The answer I found was that this is a tradition based on superstition". I agree with this point of view

+1 +1
CityVP Manjit Dec 28, 2017 · #3

If we assume we operate in culture we should recognize the role of ritual in all of our individual lives. Next to storytelling, rituals are passed on through successive generations or serve to teach us a particular way if we of course interested in following that.

What really caught my attention was the ending of your buzz because I did not understand what "7 Waves" was, but a quick Google showed me that it is a Brazilian tradition or ritual if we want to call it that. I found this New York Times article even more interesting :

7 Waves and 7 Wishes: New Year's in Rio
By EDWIN MCDOWELLDEC. 28, 1997
http://www.nytimes.com/1997/12/28/travel/7-waves-and-7-wishes-new-year-s-in-rio.html

Of course the next thing I wanted to know if it was a tradition or if the original source of the 7 wave ritual was actually based on science or associated fact. The answer I found was that this is a tradition based on superstition.

Do Ocean Waves Really Travel in Sets of 7?
By Eli MacKinnon, December 8, 2011
https://www.livescience.com/33624-waves-ocean-sets-seven.html

I guess I could call my "Learning Pathway's" a form of ritual I use to explore online. Very intriguing buzz !

+1 +1
(Nacho) Ignacio Orna Dec 27, 2017 · #2

#1 Mi abuelo leía las esquelas del periódico y le preguntamos que porque las leía y nos dijo que si no veía escrito su nombre es que la cosa iba bien.

+2 +2

Filma, muito interesante su post. Parabens pra vc..

Eu todos os días del anno, faco um ritual ao despertar, abro los olhos e si vejo luz falo a me mesmo: “Eu ainda estou vivo, obrigado mes deus”. A vida con saudí es o Melhor presente de cada dia. Feliz Natal e anno novo.

+2 +2