Franciane Nunes Paciência Torres en Profissionais Administrativos, beBee em Português, Comerciantes e Vendedores Bebee • Brand Embassador 15/11/2016 · 3 min de lectura · 6,3K

13 sintomas incomuns do estresse!


13 sintomas incomuns do estresse!


Estresse gerado pelo excesso de trabalho e que atrapalha a produtividade. Estresse gerado por um ambiente de trabalho estressante e que prejudica a saúde e os relacionamentos interpessoais. Estresse que faz todo mundo reclamar: "Hoje estou estressado!" ou que depois de uma discussão ou uma briga, logo soltam: "Desculpa, é que hoje tive um dia estressante no trabalho!"


Há dois tipos de estresse:  


* O Visível: São aqueles sintomas que só de olharem já sabem que você está estressado e nem sequer chegam perto por que sabem que você vai dar um "fora".

* O Invisível: São aqueles sintomas incomuns que você nem imagina que possam ser causadas pelo estresse, e, por isso, você acaba não dando tanta importância. 


Já que todos sabem os visíveis sintomas, trago os invisíveis para deixá-los cientes de que pode ser estresse aquilo que você sente e que acaba não dando (tanta) importância. 


1. Dores de cabeça

Se você é do tipo que já tem aquele remedinho para dor de cabeça na mesa do trabalho, no bolso da jaqueta ou da calça, na bolsa e até na carteira, se percebe que vive com dor de cabeça e que toma remédios para isso todos os dias. A culpa disso tudo pode ser do estresse, na dúvida. é sempre bom procurar ajuda médica. 


2. Cansaço constante

Ainda que o estresse pareça mais nos deixar com os nervos à flor da pele, e, de fato, é exatamente isso o que acontece. A verdade é que o estresse também é um grande sugador de energia. Aí o cansaço chega e não tem hora para ir embora. Se você é do tipo que vive cansado, mesmo quando não está no trabalho ou já está em casa sem muito o que fazer, já sabe, né? Pode ser culpa do estresse. 


3. Dores nas costas

O estresse deixa nossos músculos tensionados por mais tempo, especialmente na região do pescoço e das costas, então não é raro que pessoas estressadas sintam dores nas costas com certa frequência. 


4. Náuseas

Seu lado emocional e seu sistema disgestivo têm uma relação bastante íntima e, quando você está estressado, é comum sentir enjoos, dores no estômago e até mesmo a sensação de frio na barriga. Fique esperto!!


5. Resfriados constantes

Parece demais, né, mas a verdade é que até mesmo o seu sistema imunológico pode deixar de funcionar adequadamente graças ao estresse, esse danado! Uma vez que ele seja reduzido, é bem possível que seu sistema imunológico trabalhe melhor e você não viva mais resfriado. 


6. Transpiração em excesso

Já reparou que quando você está nervoso tende a suar mais? É só imaginar uma situação de alto-estresse, como quando um palestrante sem muita experiência está prestes a falar para um auditório lotado de pessoas - é batata: certeza  que o suor vai se manifestar. O problema é quando isso começa a ser frequente e você passa a suar sempre. Pode ser um grande indicativo de estresse em seu ambiente de trabalho, hein!!


13 sintomas incomuns do estresse!

7. Perda de apetite sexual

Este sintoma não é tão incomum assim, visto que muitas pessoas colocam a "culpa" no estresse quando perdem o apetite. Mas há aqueles que não sabem e muito menos imaginam que o estresse pode e é a causadora da perda de apetite sexual. Remover fontes de estresse no ambiente de trabalho ou de estudo, por exemplo, pode ser um jeito bem prático de fazer com que seu desejo sexual volte a existir e a proporcionar bons momentos. 


8. Você tem vontade de comer mais

Ainda que muitas pessoas percam o apetite por causa do estresse, é bastante comum também que muitas acabem ficando com mais vontade de comer. Encontrar alívio em lanchinhos extras, como pedaços de bolo, chocolates e tortas, é mais comum do que imaginamos. O problema desse comportamento de compulsão alimentar é que, em longo prazo, ele pode provocar ganho de peso, problemas de pele e de saúde de um modo geral.

Em vez de acabar recorrendo à compulsão alimentar para aliviar o estresse de todo dia, um bom jeito de resolver a questão seria recorrer a exercícios físicos e a atividades relaxantes e que sejam capazes de entreter, como jogar video game.


9. De repente, espinhas começam a surgir 

A saúde da sua pele é um poderoso indicador de estresse, geralmente apresentando reações inflamatórias, como é o caso das espinhas. O estresse atua em nosso organismo por meio da liberação do hormônio cortisol, um estimulante da produção de sebo, que contribui para o surgimento da acne. Então se, de uma hora para a outra, você passou a ter espinhas, talvez precise ficar menos estressado.


10. Os cabelos caem

Repare na quantidade de cabelo que sai da sua cabeça quando você toma banho ou penteia as madeixas. Se estiver perdendo mais fios do que o normal, pode ser em decorrência do estresse, já que ele faz com que os folículos capilares se desprendam da cabeça com facilidade, por falta de pressão. A boa notícia é que, uma vez que o estresse seja reduzido, os cabelos voltam a seu estado normal.


11. Seus ouvidos ficam zumbindo

Olha só que bizarro: um grupo de cientistas do Instituto Karolinska, na Suécia, descobriu que a região límbica do cérebro, responsável pela regulagem dos níveis de estresse, trabalha em excesso quando nossos ouvidos ficam zumbindo.


12. A boca fica mais dolorida

Se a sua mandíbula vive dolorida, pode ser um sinal de que você tem rangido os dentes demais durante o sono. O bruxismo, que é o nome desse ranger de dentes, é bastante comum entre pessoas estressadas, e para resolver o problema é preciso procurar ajuda odontológica e usar um protetor de boca na hora do sono.


13. Menstruações irregulares

O estresse pode provocar desequilíbrios hormonais que, nas mulheres e em homens transgêneros que não fizeram a redesignação sexual, pode desregular o ciclo menstrual.

Uma forma de buscar aliviar esse sintoma é praticar atividades físicas – a ioga, por exemplo, diminui o tamanho da amígdala cerebral, que é a região que processa medo e ansiedade, o que significa que a capacidade de sentir estresse é reduzida também. Além de recorrer a práticas de exercício físico, se o problema persistir é fundamental procurar ajuda médica.


13 sintomas incomuns do estresse!


Fontes: http://m.megacurioso.com.br/comportamento/99834-7-sintomas-incomuns-do-estresse.htm e http://www.megacurioso.com.br/comportamento/101113-6-sintomas-incomuns-do-estresse.htm?utm_source=megacurioso.com.br&utm_medium=home&utm_campaign=ultimasreviews


Isabel Díaz Durán 17/11/2016 · #3

@Franciane Nunes Paciência Torres concordo com o apresentado no texto, na verdade cada vez é que há mais estresse e as vezes não temos consciencia do que provoca no nosso corpo. Cá na Galicia ( Espanha) os idosos têm um ditado: "tudo vai ao corpo" que quer dizer algo assím como que todos nos afecta e antes ou depois o corpo ressente-se . Boa mel!!!! Tenha um bom dia!

+1 +1

#1 Oscar, acredito que todo mundo sofra estresse hoje, seja por causa do trabalho seja por causa do estudo. Os sintomas estão saindo do "visível" para o "invisível" e temos que estar atentos, não só aos sintomas citados no artigo, mas, a qualquer sintoma incomum, pois é, de fato, muito difícil de diagnosticar. Eu que lhe agradeço por ter lido, compartilhado e comentado o artigo.

+2 +2
Oscar Gomez Amento 15/11/2016 · #1

No dia de hoje, quase tudo mundo sofre stress, so que nao sabe que o sofre..os sintomas sao muito variado...e muito dificil de descobrir e diagnosticar
Obrigado pelo seu aporte

+2 +2