A tendência das dark kitchens no delivery de comida

A tendência das dark kitchens no delivery de comida

Enquanto consumidor, você já pediu delivery de quantos locais que você nem ao menos conhece fisicamente?

Alguns você já passou em frente e até sabe que estão lá, mas por algum motivo – que envolve conforto e praticidade – sempre optou por comer em casa e não no local.

Outros restaurantes surgiram digitalmente, e após ver publicações atrativas nas redes sociais, você buscou pelos estabelecimentos diretamente no app. 

Sem contar aqueles que apareceram ‘espontaneamente’ na lista dos restaurantes recomendados para você – tudo programado pelos algoritmos dos apps que tem dado um incentivo a mais para esse tipo de restaurante.

Sabe por que?

Essas características de consumo delivery são comuns para uma geração que tem entre 19 e 37 anos, que está passando menos tempo em restaurantes e mais tempo em casa esperando pelas entregas.

É o que aponta um relatório elaborado pela Deliverect, uma plataforma dedicada a fazer a gestão dos pedidos delivery de restaurantes que trabalham majoritariamente com este formato.

A popularidade do delivery é tanta que muitos restaurantes que já existem fisicamente passaram a operar por meio de dark kitchens por uma questão estratégica.

É sobre esse formato promissor que nós vamos falar.

Ele pode servir para você, que tem um restaurante físico e para você que quer fazer entrega de comida delivery de dentro da sua casa.

Então, bora entender tudo sobre as dark kitchens!