Luciana Oliveira Rodrigues in Coaching Brasil, Cidade de São Paulo, Formação Profissional Hipnoterapeuta • Instituto Vem Saber Dec 20, 2018 · 2 min read · ~100

Será que fiz a escolha certa? Será tarde para mudar?

Será que fiz a escolha certa? Será tarde para mudar?

Talvez você já se perguntou: Será que fiz a escolha certa? Mas mudar agora, começar tudo de novo, será que não é tarde?

Nossas escolhas definem o que teremos pela frente, mas isso não significa que não podemos mudar o rumo no meio do caminho. Não existe idade para realizar um sonho. Não existe idade para começar uma nova faculdade.

Então pare por alguns minutos e pergunte para você:

Estou fazendo o que amo?

Acordo todos os dias feliz com minha escolha?

Eu escolhi estar aqui ou alguém escolheu por mim?

Será que escolhi este caminho por amor, por meus olhos brilharem com o que vou fazer ou apenas para provar para alguém que sou capaz?

Cada pessoa tem um motivo que levou a escolher a sua profissão, pode ser:

1 - Desejo de infância – ainda pequenos pensamos muitas vezes o que queremos ser quando crescermos, visualizamos um adulto de sucesso, feliz e admirado por todos pela escolha.

2 – Inspiração em outra pessoa – talvez você conheceu alguém e a paixão dela pelo que fazia era tão grande que você quis seguir o mesmo caminho.

3 – Ajuda profissional – Hoje existem profissionais, como no caso do Coaching que podem auxiliar na escolha, utilizando recursos que alinham seus valores, missão de vida, testes que mostram exatamente quem é você. Talvez pode parecer que é um investimento alto, mas vai evitar que você pague meses de faculdade e pare depois.

4 - Vontade da família – Geralmente quando a família tem uma empresa e quer que os filhos deem continuidade aos negócios. Aqui temos duas possibilidades:

· Você realmente gosta do que seus pais escolheram como profissão e quer seguir os mesmos passos e assim levar adiante o negócio da família. O que não tem nenhum problema se isso vai te realizar profissionalmente.

· Quando os pais querem que você siga os passos deles, mas você não quer, porém acaba cedendo e optando pela faculdade dos seus pais e não pela sua.

Aqui sim temos um grande problema a vista, pois ou você vai passar o resto da vida fazendo o que não ama, e sempre que possível vai dar um jeito de deixar claro para os pais que só fez aquilo porque eles escolheram, ou em um momento da vida vai querer jogar tudo para o alto e começar do zero o que nem sempre e fácil e na maioria das vezes requer ajuda, mas pode ser libertador.

Lembro na época da faculdade de um casal de irmãos que estudavam odontologia, os pais moravam em outra cidade e pagavam moradia e a faculdade para os dois, porém eles passavam a maior parte das aulas no barzinho em frente a faculdade, simplesmente porque não escolheram estar ali, os pais tinham clínica e decidiram que eles seguiriam a profissão deles, nem precisa dizer que não passaram do primeiro ano.

Já atendi pessoas que no meio do processo de Coaching descobriram que estavam no caminho errado e juntos fizemos o planejamento de como mudar o caminho e hoje estão felizes com sua nova escolha.

Mas afinal qual é o seu sonho?

Quanto vale o seu sonho?

Quanto você esta disposto realmente a viver este sonho?

Imagine ter liberdade para sonhar o seu sonho, aquele sonho que vai te fazer acordar todos os dias com brilho nos olhos, sentir orgulho de você, de onde chegou.

Não se preocupe com o que os outros vão dizer da sua escolha, afinal ela é sua, nenhum grande inventor foi apoiado em suas escolhas, muito pelo contrário, muitas vezes foram chamados de loucos e nem por isso desistiram.

Lembre não existe tempo certo para mudar, eu mudei de direção profissional aos 40 anos e hoje me sinto feliz por ter feito isso, se me perguntar se foi fácil, minha resposta é não, porém a sensação de acordar e saber que estou na direção que escolhi para minha vida e incalculável.

Nossa vida e como a vela de um barco pode ser ajustada a qualquer momento para mudarmos a direção de onde queremos ir, mas apenas olhar para a vela não vai mudar a direção.

Então minha pergunta é: Qual a história que você quer escrever da sua vida? O que você vai ter orgulho de contar para seus filhos, seus netos?

“As pessoas tem medo de mudanças.

Eu tenho medo que as coisas nunca mudem”.

Chico Buarque.



josiane gizele da silva Dec 24, 2018 · #1

😔💪👀👂🙌😆

0