Neto Montana in Poeme-se, beBee em Português, Escritores Produtor de Eventos • Produtor de eventos Jan 29, 2018 · 1 min read · +900

A capacidade

A capacidade

A capacidade é como um capacete que impermealizada a fragilidade da cabeça numa estrada em alta velocidade, cheia de obstáculos, buracos e imprevistos naturais. Ao se defrontar em algum tido de dificuldade no caminho, o capacete é o primeiro a sofrer os danos. Para proteger todo o conteúdo que estava revestido. A própria e frágil 'cabeça' desprotegida foi a que utilizou seus métodos de poder para criar algo tão útil a ser usado como complemento de proteção. 

Isso pode explicar por que diante de tamanha fragilidade física e dependência a se comparar a outros animais da natureza, o ser humano conseguiu sobreviver, sem garras, sem agilidade, sem força física, sem asas, sem grandes habilidades de mergulho ou tamanho significativo (se comparado a um elefante), porém tudo que não tem fora, tem dentro da sua pequena 'cabeça' no qual reflete e transforma toda a realidade do mundo que o cerca, dando-lhe todo poder de criação, independência filosófica e a capacidade de raciocínio, no qual culminou a criação de todo um aglomerado de complexidade nas suas inter-relações sociais. 


Assim como o capacete que é um instrumento criado da cabeça de um ser humano para uso de defesa na estrada da vida no qual percorre, a capacidade foi o motor para impulsioná-lo. E mora dentro da sua 'cabeça'.


play game Dec 25, 2018 · #1

The user has deleted this comment

0