Reginaldo Afonso Bobato en Comunicação e Jornalismo, Escritores, Jornalistas Escritor político-filosófico-poético • Eu mesmo no Face book 17/11/2016 · 1 min de lectura · +100

A ver navios, o que se aprender então?

A ver navios, o que se aprender então?

A ver navios, o que se aprender então?

Eu não posso atravessar o mar a nado, é preciso um navio (É a Ana e eu vi-o), não posso mergulhar as profundezas de um rio ser conhecê-lo, e nem tão pouco ser um marinheiro de primeira viagem, é preciso estudar cartas, sobretudo, náuticas e não pode ser anal ticas.

Uma mulher é o mesmo patamar analógico, pois é preciso preparação para o casamento.Autor Reginaldo Afonso Bobato