Reginaldo Afonso Bobato in Poesia, Redatores, Escritores Escritor político-filosófico-poético • Sou eu mesmo indenp.de qualquer influência ou instituição., sou autor de 96 livros. Jan 16, 2021 · 1 min read · ~100

O retorno em espiral galáctico

O retorno em espiral galáctico

O retorno em espiral galáctico

Eu entro no mais profundo eu, e é uma flor do jardim que me precedeu, uma abelha a percebeu, e depois de tudo pronto o ser humano apareceu ao mundo com o presságio universal e quem fez tudo isso não deixou uma única pista, mas deu certeza cósmica que foi um outro mundo bem distante daqui que quis dar provas de seu imenso amor, e sem querer sob hipótese alguma reivindicar seus direitos autorais.

O retorno em espiral galáctico

Eu entro no mais profundo eu, e é uma flor do jardim que me precedeu, uma abelha a percebeu, e depois de tudo pronto o ser humano apareceu ao mundo com o presságio universal e quem fez tudo isso não deixou uma única pista, mas deu certeza cósmica que foi um outro mundo bem distante daqui que quis dar provas de seu imenso amor, e sem querer sob hipótese alguma reivindicar seus direitos autorais.

E talvez um dia voltem...

E talvez um dia voltem...

O retorno em espiral galáctico

Eu entro no mais profundo eu, e é uma flor do jardim que me precedeu, uma abelha a percebeu, e depois de tudo pronto o ser humano apareceu ao mundo com o presságio universal e quem fez tudo isso não deixou uma única pista, mas deu certeza cósmica que foi um outro mundo bem distante daqui que quis dar provas de seu imenso amor, e sem querer sob hipótese alguma reivindicar seus direitos autorais.

E talvez um dia voltem...

Autor Reginaldo Afonso Bobato


O retorno em espiral galáctico

O retorno em espiral galáctico

Eu entro no mais profundo eu, e é uma flor do jardim que me precedeu, uma abelha a percebeu, e depois de tudo pronto o ser humano apareceu ao mundo com o presságio universal e quem fez tudo isso não deixou uma única pista, mas deu certeza cósmica que foi um outro mundo bem distante daqui que quis dar provas de seu imenso amor, e sem querer sob hipótese alguma reivindicar seus direitos autorais.

E talvez um dia voltem...

O retorno em espiral galáctico

Eu entro no mais profundo eu, e é uma flor do jardim que me precedeu, uma abelha a percebeu, e depois de tudo pronto o ser humano apareceu ao mundo com o presságio universal e quem fez tudo isso não deixou uma única pista, mas deu certeza cósmica que foi um outro mundo bem distante daqui que quis dar provas de seu imenso amor, e sem querer sob hipótese alguma reivindicar seus direitos autorais.

E talvez um dia voltem...

O retorno em espiral galáctico

Eu entro no mais profundo eu, e é uma flor do jardim que me precedeu, uma abelha a percebeu, e depois de tudo pronto o ser humano apareceu ao mundo com o presságio universal e quem fez tudo isso não deixou uma única pista, mas deu certeza cósmica que foi um outro mundo bem distante daqui que quis dar provas de seu imenso amor, e sem querer sob hipótese alguma reivindicar seus direitos autorais.

E talvez um dia voltem...Autor Reginaldo Afonso Bobato