Reginaldo Afonso Bobato in filosofia, beBee em Português, Desenvolvimento Humano Escritor político-filosófico-poético • Sou eu mesmo indenp.de qualquer influência ou instituição., sou autor de 96 livros. 1 d ago · 1 min read · ~100

Pensara e sara?

Pensara e sara?

Pensara e sara?

O que é fazer pelo outro em nome de Jesus Cristo como ele proferiu?

É dar dinheiro para desmoralizá-lo para que ele seja objeto de desprezo social?

É fazer falsas análises a respeito de sua personalidade?

É induzi-lo a “belas mulheres?

É precipitá-lo ao contágio de vírus mortais?

É comparar sua humildade à soberba?

É se vingar em segredo?

É esperar dele a ignomínia e a vergonha?

O que é fazer em nome de Cristo?

O que é prosperar, é pró e é esperar pela dama de vermelho com suas palavras delicadas e com ciúmes audazes.

O que é fazer em nome de Cristo?

É pregar o antagonismo, o paradoxo e a contradição?

É viver enclausurado num mundo aparte?

Eu te digo com firmeza, todos nós, mesmo que trabalhemos duro, ganhamos água e alimento, e os ganhamos da tecnologia.

Imagine o trabalho mais árduo de todos, que faz calos nas mãos.

Então sejamos conscienciosos e daremos alimentos a todos, sem distinção, mas com precaução, para que não morramos infectados por algum vírus, e muito menos pela nossa ingenuidade.


Pensara e sara?

Pensara e sara?

O que é fazer pelo outro em nome de Jesus Cristo como ele proferiu?

É dar dinheiro para desmoralizá-lo para que ele seja objeto de desprezo social?

É fazer falsas análises a respeito de sua personalidade?

É induzi-lo a “belas mulheres?

É precipitá-lo ao contágio de vírus mortais?

É comparar sua humildade à soberba?

É se vingar em segredo?

É esperar dele a ignomínia e a vergonha?

O que é fazer em nome de Cristo?

O que é prosperar, é pró e é esperar pela dama de vermelho com suas palavras delicadas e com ciúmes audazes.

O que é fazer em nome de Cristo?

É pregar o antagonismo, o paradoxo e a contradição?

É viver enclausurado num mundo aparte?

Eu te digo com firmeza, todos nós, mesmo que trabalhemos duro, ganhamos água e alimento, e os ganhamos da tecnologia.

Imagine o trabalho mais árduo de todos, que faz calos nas mãos.

Então sejamos conscienciosos e daremos alimentos a todos, sem distinção, mas com precaução, para que não morramos infectados por algum vírus, e muito menos pela nossa ingenuidade.