Reginaldo Afonso Bobato in filosofia, Comunicação e Jornalismo, beBee em Português Escritor político-filosófico-poético • Eu mesmo no Face book Feb 24, 2020 · 1 min read · +600

Você a lasca?

Você a lasca?

Eu escrevi noventa e dois livros até a presente data, mas você ainda quer descobrir a vida por si mesmo, então se lasque.

Eu vi, vivi e convenci, não existe nada que destrua mais a vida de uma pessoa do que a luxúria e a prostituição, em razão dos prejulgamentos que são feitos até pelas costas da pessoa.

Ao se tratar de ciências humanas, tenha razão de imediato que elas não são exatas, onde três são mais, muito mais do que você imagina, e um trilhão de pessoas, um só.

O amor então é como uma arvore que tem tendência de ser frondosa se você cuidar dela, regá-la, e se você a rega ela ficará molhada, sendo assim você trepará no no pé e colherá bons frutos, e suas sementes não sofrerão danos, nem suas raízes.

E para colher frutas você não precisa lascar os galhos, o faça com amor e carinho.

O que é o amor?

É gostar profundamente, é apostar divinamente, é deixar aflorar convictamente, é profetizar incrivelmente, é se entregar ao brio, à dignidade e a honra, é ter caráter, é sofrer por uma causa, é digladiar consigo mesmo, é ter virtudes. Autor Reginaldo Afonso Bobato

Você a lasca?

Você a lasca?

Eu escrevi noventa e dois livros até a presente data, mas você ainda quer descobrir a vida por si mesmo, então se lasque.

Eu vi, vivi e convenci, não existe nada que destrua mais a vida de uma pessoa do que a luxúria e a prostituição, em razão dos prejulgamentos que são feitos até pelas costas da pessoa.

Ao se tratar de ciências humanas, tenha razão de imediato que elas não são exatas, onde três são mais, muito mais do que você imagina, e um trilhão de pessoas, um só.

O amor então é como uma arvore que tem tendência de ser frondosa se você cuidar dela, regá-la, e se você a rega ela ficará molhada, sendo assim você trepará no no pé e colherá bons frutos, e suas sementes não sofrerão danos, nem suas raízes.

E para colher frutas você não precisa lascar os galhos, o faça com amor e carinho.

O que é o amor?

É gostar profundamente, é apostar divinamente, é deixar aflorar convictamente, é profetizar incrivelmente, é se entregar ao brio, à dignidade e a honra, é ter caráter, é sofrer por uma causa, é digladiar consigo mesmo, é ter virtudes. Autor Reginaldo Afonso Bobato