Renato Teodósio en Tecnologia da Informação - TI, Analistas de Suporte, Negócios e Empresas Funcionário Publico • Governo do Estado de São Paulo 25/9/2016 · 3 min de lectura · 2,1K

Gestão de TI: 9 dicas para aumentar a produtividade da sua equipe

Gestão de TI: 9 dicas para aumentar a produtividade da sua equipeA gestão de TI é uma das atividades mais importantes para empresas que possuem uma grande infraestrutura de equipamentos computacionais e sistemas digitais.

As atividades do gestor devem buscar sempre a otimização dos recursos do negócio e a criação de fluxos de trabalho com baixo índice de erros, vencendo os desafios da área e melhorando a execução dos serviços da empresa.

Assim, é possível aumentar a produtividade de toda a equipe de técnicos e, ao mesmo tempo, reduzir custos de gestão.

Nesse cenário, diversas técnicas podem ser implementadas. Quer saber quais são? Então veja o nosso texto de hoje e conheça 9 dicas importantes para aumentar a produtividade da sua equipe de TI!

1. Crie canais de comunicação eficientes

A integração de profissionais é um fator decisivo na busca por uma equipe mais eficiente.

Gestores devem investir em soluções e métodos de trabalho que busquem o incentivo à colaboração entre profissionais. Como consequência, a troca de informações será mais ampla, impactando diretamente no alinhamento de processos e na capacidade de trabalho do setor.

2. Tenha metas atingíveis, alinhadas com o perfil de cada time

Métricas e indicadores são uma forma prática de acompanhar o desenvolvimento de equipes e rastrear problemas na cadeia operacional de um negócio.

No entanto, a forma como cada KPI é definido e aplicado terá uma relação direta com a sua eficácia a médio e longo prazo.

Diante disso, cada meta deve ser definida de acordo com o perfil dos profissionais de cada área. Exageradas, elas podem criar um ambiente com carga de estresse excessiva, aumentando o número de erros. E caso estejam abaixo da capacidade da equipe, impedirão a melhora do serviço prestado.

3. Reavalie a eficiência de processos regularmente

Muitas vezes, gestores ignoram a necessidade de otimizar processos por acreditarem que a forma como os serviços estão sendo executadas já é “boa o bastante”. No entanto, as rotinas operacionais do negócio devem ser otimizadas e reavaliadas continuamente.

Ao olhar para o mercado em busca de boas práticas e trabalhar indicadores como ferramentas de rastreamento de falhas, o gestor de TI consegue criar um fluxo de melhorias constante. Como consequência, será possível definir novas formas de trabalho e políticas de gestão mais assertivas, que vão tornar a equipe de técnicos mais produtiva.

4. Otimize a infraestrutura para melhorar a gestão de TI

A forma como a infraestrutura de TI está funcionando possui um impacto direto na capacidade de cada técnico de atender às demandas do negócio.

Quando um equipamento não funciona corretamente, profissionais de suporte perdem tempo atendendo a solicitações de usuários e a execução de suas rotinas é prejudicada.

Para evitar que isso ocorra, várias técnicas podem ser adotadas. Uma delas é a otimização da configuração de dispositivos. Por meio da atualização constante de sistemas de controle e da busca por uma configuração adaptada às caraterísticas do negócio, a performance dos servidores e equipamentos de rede será ampliada.

Além disso, gestores devem planejar rotinas de manutenção regulares, diminuindo as chances de uma máquina parar de funcionar repentinamente.

5. Forneça feedback continuamente

Além da reavaliação de rotinas e implementação de indicadores para avaliar o sucesso das técnicas de gestão, o trabalho de cada profissional pode ser avaliado continuamente pelo gestor de TI.

Assim, ele será capaz de fornecer feedbacks assertivos, que auxiliam na melhora do trabalho de cada técnico. O feedback deve ser visto como uma ferramenta de gestão, que auxilia profissionais a reavaliarem o seu trabalho e eliminar falhas.

6. Distribua as tarefas de forma mais eficaz para aumentar a produtividade

Muitas vezes projetos de TI falham por falta de uma distribuição de tarefas eficiente. Gestores não conseguem identificar qual a melhor forma de designar uma atividade para cada equipe e, com isso, diminuem a capacidade geral de trabalho.

Por isso, é importante que o gestor torne a sua distribuição de tarefas mais eficaz. Cada rotina deve ser designada de acordo com o perfil dos profissionais que atuam no setor. Assim, as tarefas serão executadas com maior agilidade e com uma taxa de erros menor.

7. Invista no treinamento de profissionais

A requalificação de profissionais, especialmente no ambiente de TI, deve ser uma preocupação constante de todo e qualquer gestor.

As tecnologias disponíveis para empresas mudam constantemente e, muitas vezes, não é possível acompanhar o impacto de cada novidade que é disponibilizada para o mercado corporativo, além dos updates regulares necessários aos softwares corporativos, seja para remoção de falhas de segurança ou implementação de novas funções.

Para tornar a adaptação a novos recursos ou a migração para uma nova versão de um software crítico mais rápida, a realização de treinamentos é indispensável.

Gestores devem garantir que todos os profissionais tenham conhecimentos alinhados sobre os novos produtos que estão disponíveis para a execução de suas atividades. Cursos de atualização, sejam presenciais ou online, diminuem o tempo necessário para cada técnico se habituar a um novo equipamento ou sistema corporativo.

8. Alinhe objetivos com os demais gestores

O alinhamento de objetivos entre líderes de setores e profissionais de TI possui um grande impacto na forma como o setor irá lidar com as suas estratégias e seus processos internos.

O gestor responsável pela área deve buscar trabalhar lado a lado com líderes de outras áreas, avaliando quais são os objetivos em comum entre as áreas.

Ao compreender como tornar a rotina dos técnicos e analistas mais alinhada com as metas do negócio, o gestor garante que toda a equipe será mais produtiva. Como as atividades serão definidas por meio de uma visão mais abrangente do papel da infraestrutura de TI para a empresa, o setor de TI ficará bem posicionado dentro da cadeia corporativa do negócio, agregando valor às rotinas da empresa.

9. Invista em novas tendências

Como citamos, o mercado de TI muda constantemente. Novos caminhos são apresentados ao setor corporativo diariamente, podendo ser adaptados para várias áreas de uma empresa. Cabe ao gestor de TI avaliar o impacto que uma nova solução pode ter no negócio, identificando qual ferramenta pode tornar a rotina do setor mais eficaz.

No longo prazo, as ferramentas e estratégias adotadas pela empresa terão um impacto direto para aumentar a produtividade da equipe. Profissionais terão as suas rotinas otimizadas e poderão atuar com equipamentos de maior performance.

Assim, os serviços do setor poderão atender a um número mais amplo de pessoas com maior facilidade, resultando numa excelente gestão de TI.

http://blog.locawebcorp.com.br/mercado/gestao/gestao-de-ti-9-dicas-para-aumentar-produtividade-da-sua-equipe/?utm_campaign=post_linkedin&utm_source=blog&utm_medium=post_linkedin_30_08_2016&utm_content=produtividade_linkedin&utm_term=20160830